quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Tá Reclamando de quê?





Tá Reclamando do Lula? do Serra? da Dilma? do Arrruda? da família Sarney? do Collor? Do Renan? do Palocci? do Delubio? dos políticos distritais de Brasilia? do Jucá? do Kassab? dos mais 300 picaretas do Congresso?

Brasileiro Reclama De Quê?

O Brasileiro é assim:

1. - Saqueia cargas de veículos acidentados nas estradas.
2. - Estaciona nas calçadas, muitas vezes debaixo de placas proibitivas.
3. - Suborna ou tenta subornar quando é pego cometendo infração.
4. - Troca voto por qualquer coisa: areia, cimento, tijolo, e até dentadura.
5. - Fala no celular enquanto dirige.
6. -Trafega pela direita nos acostamentos num congestionamento.
7. - Pára em filas duplas, triplas em frente às escolas.
8. - Viola a lei do silêncio.
9. - Dirige após consumir bebida alcoólica.
10. - Fura filas nos bancos, utilizando-se das mais esfarrapadas desculpas.

11. - Espalha mesas, churrasqueira nas calçadas.
12. - Pega atestados médicos sem estar doente, só para faltar ao trabalho.
13. - Faz " gato " de luz, de água e de tv a cabo.
14. - Registra imóveis no cartório num valor abaixo do comprado, muitas vezes irrisórios, só para pagar menos impostos.

15. - Compra recibo para abater na declaração do imposto de renda para pagar menos imposto.

16. - Muda a cor da pele para ingressar na universidade através do sistema de cotas.
17. - Quando viaja a serviço pela empresa, se o almoço custou 10 pede nota fiscal de 20.
18. - Comercializa objetos doados nessas campanhas de catástrofes.
19. - Estaciona em vagas exclusivas para deficientes.
20. - Adultera o velocímetro do carro para vendê-lo como se fosse pouco rodado.

21. - Compra produtos piratas com a plena consciência de que são piratas.
22. - Substitui o catalisador do carro por um que só tem a casca.
23. - Diminui a idade do filho para que este passe por baixo da roleta do ônibus, sem pagar passagem.
24. - Emplaca o carro fora do seu domicílio para pagar menos IPVA.
25. - Freqüenta os caça-níqueis e faz uma fezinha no jogo de bicho.
26. - Leva das empresas onde trabalha, pequenos objetos como clipes, envelopes, canetas, lápis..... como se isso não fosse roubo.

27. - Comercializa os vales-transporte e vales-refeição que recebe das empresas onde trabalha.

28. - Falsifica tudo, tudo mesmo... só não falsifica aquilo que ainda não foi inventado.
29. - Quando volta do exterior, nunca diz a verdade quando o fiscal aduaneiro pergunta o que traz na bagagem.
30. - Quando encontra algum objeto perdido, na maioria das vezes não devolve.

E quer que os políticos sejam honestos...
Escandaliza- se com a farra das passagens aéreas...
Esses políticos que aí estão saíram do meio desse mesmo povo ou não?
Brasileiro reclama de quê, afinal?
E é a mais pura verdade, isso que é o pior! Então sugiro adotarmos uma mudança de comportamento, começando por nós mesmos, onde for necessário!
Vamos dar o bom exemplo!
Espalhe essa idéia!
Fala-se tanto da necessidade deixar um planeta melhor para os nossos filhos e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores (educados, honestos, dignos, éticos, responsáveis) para o nosso planeta, através dos nossos exemplos...

A mudança deve começar dentro de nós, nossas casas, nossos valores, nossas atitudes!

Texto recebido por email, autor desconhecido.

3 comentários:

Bigode e focinho disse...

Disse tudo!

Rutha/Pink/Barum/Luna disse...

Concordo totalmente ! Meu problema é que sou certinha demais e até passo mal de fazer alguma coisa errada, mas meu marido é insuportável...faz tudo que não deve fazer e ainda acha normal, e quando vê outra pessoa fazendo o que ele mesmo faz, recrimina ! Sempre digo que um dia eu mato esse homem !
Morei 1 ano em Brasília, quando era solteira, e posso dizer que lá é muito pior que qualquer lugar do Brasil !
Beijos
Laís

Clarice disse...

Pois quando recebi essa lista espalhei. Houve quem reclamasse. Eu acrescento: cuspir na rua, jogar lixinhos e bituca da janela(de casa, do carro- teve um gringo fdp que jogou bituca de charuto, pode?,)e tantas mais. Macaco geralmente não olha o rabo, né? Não precisa ser perfeito. É só usar o dito respeito. O que não implica perdoar aqueles todos citados no início do texto.
Beijos.