sexta-feira, 11 de março de 2011

Para fechar a semana.

Um mecânico está desmontando o cabeçote de uma moto, quando ele vê na oficina um cirurgião cardiologista muito conhecido. Ele está olhando o mecânico trabalhar. Então o mecânico pára e pergunta:


-Ei, doutor, posso lhe fazer uma pergunta?'

O cirurgião, um tanto surpreso, concorda e vai até a moto na qual o mecânico está trabalhando. O mecânico se levanta e começa:

- “Doutor, olhe este motor. Eu abro seu coração, tiro válvulas, conserto-as, ponho-as de volta e fecho novamente, e, quando eu termino,ele volta a trabalhar como se fosse novo. Como é então, que eu ganho tão pouco e o senhor tanto, quando nosso trabalho é praticamente o mesmo?”

Então o cirurgião dá um sorriso, se inclina e fala bem baixinho para o mecânico:

- 'Você já tentou fazer como eu faço, com o motor funcionando?”

Conclusão:

“QUANDO A GENTE PENSA QUE SABE TODAS AS RESPOSTAS, VEM A VIDA E MUDA TODAS AS PERGUNTAS.”

2 comentários:

Blog da Rutha disse...

Essa é ótima ! A vida é assim mesmo, cheia de perguntas e respostas cada vez mais complexas, mas às vezes muito simples também, ou melhor...ridiculamente simples...
Mas todas as profissóes são importantes e ultimamente (felizmente) tenho precisado mais de mecânicos do que de cardiologistas...
Ótimo findi pra vocês !
Lambidas pra Jade e pra bicharada !
Beijos
Laís

Clarice disse...

Como dizia o filósofo da esquina: cada macaco no seu galho. Se o carro não funcionar o médico não chega ao doente; se o mecãnico enfartar não conserta o carro. Ai, que nó!